HIRT : um treino curto na musculação e eficiente no emagrecimento.

O HIRT – High-Intensity Resistance Training, , segue a mesma lógica do  HIIT, com estímulos de alta intensidade, e períodos curtos de descanso (realizados na  MUSCULAÇÃO), promovendo um alto stress no decorrer do treino, gerando diversas adaptações no pós treino.

Evidências mostraram que o HIRT promoveu  um alto gasto calórico no repouso e maior utilização de gordura nas horas que seguiam o treino. Consequentemente contribuiu de forma positiva na redução de medidas e gordura corporal.

E você sabe como é este treino de HIRT na musculação? É de curta duração com apenas 3 exercícios, com poucas repetições e alta intensidade. De forma geral, o HIRT emprega estímulos intensos, com curtos períodos de recuperação. São muitas as  possibilidades de variações utilizando o HIRT, que vão depender dos objetivos e necessidades de cada pessoa.

O HIRT é um método de treinamento  indicado para você que busca um treino rápido e  eficiente .

 

 

mais
07 ago
Sem Comentários
Você quer alcançar ótimos resultados na perda de peso treinando menos tempo?

Dados recentes do Ministério do Esporte mostraram que aproximadamente 70% das pessoas que abandonam um programa de exercícios físicos alegam falta de tempo.

Alguma vez você já iniciou a prática de determinada atividade física e logo em seguida desistiu em função de tomar muito o seu tempo?

Diferentes resultados podem ser alcançados com os treinos de curta duração : perda de peso; aumento da massa muscular; redução de gordura corporal; controle da glicemia e pressão arterial; dentre outros.

Mas você deve está pensando : “ como seria este tipo de treino”?; “quanto tempo de duração “ ? “Pode ser aplicado para que tipo de pessoa”

Veja exemplos de modelos de treinos de curta duração:

– HIIT com estímulos longos.

– HIIT com estímulos curtos.

– Musculação de alta intensidade.

– Circuito de alta intensidade.

Esses treinos podem ser realizados em 5,20,30 minutos.  As possibilidades são muitas. O Profissional vai levar em consideração uma série de fatores para elaborar toda sua programação e consequentemente vai influenciar na duração total do seu treino.

Podem ser aplicados em pessoas sedentárias, acima do peso, treinadas e bem condicionadas, diabéticos, idosos.

Quando falamos em treinos curtos e alta intensidade não significa que você tem ir até o seu limite. Existem treinos submáximos. Por isso ele pode ser adequado e personalizado para todo tipo de pessoa.

Diversos artigos demonstraram os benefícios deste modelo de treino na redução de gordura corporal e no emagrecimento. Alguns fatores responsáveis seriam a elevação do metabolismo e redução de gordura corporal no pós-treino.

No entanto estes resultados dependem de como a sua programação de treino é elaborada e com todas as variáreis bem controladas.
 

mais
02 ago
Sem Comentários
2 erros graves nos treinos de HIIT .

O treinamento intervalado de alta intensidade (HIIT) tem que ser muito bem estruturado para que proporcione os resultados esperados.

Eu quero te mostrar 2 equívocos que muitas pessoas andam comentendo :

Erro número 1: pensar que todo treino de HIIT tem que ser no máximo. Ou que você teria que terminar o treino sem condições alguma de conversar. Existem estes modelos de HIIT sim. No entanto, você pode realizar também um HIIT submáximo, onde a intensidade é menor.

Erro número 2: imaginar que todo treino de HIIT tem que ser de curta duração. Existem modelos de HIIT onde o treino pode durar 40 minutos, 50 minutos.

Quando prescrevo HIIT para os meus clientes levo em consideração uma séries de fatores e a partir daí determino o modelo de HIIT que vou utilizar.

E claro temos que levar em consideração também se você faz outras atividades durante a semana. Quais atividades, em qual intensidade.

Existem alguns aspectos importantes quando prescrevemos um programa de exercícios físicos : Por que e Como Fazer.

mais
01 ago
Sem Comentários
EMAGRECER E ADOTAR UM ESTILO DE VIDA SAUDÁVEL NÃO PRECISA SER TÃO CHATO..

Parece que mudaram os conceitos de alimentação saudável e até mesmo apreciar uma boa comida é motivo de desespero e punição.

Para alguns comer virou pecado ou crime. E se tiver glúten e lactose você pode até pegar prisão perpétua.. ALGUSN ACREDITAM QUE FICAR SEM COMER, ou fazer um jejum prolongado resolve todos os males da vida.

            Outro aspecto interessante é a intensa preocupação com o que não comer. O tempo todo ouvimos que isso não pode, que vou cortar aquilo. Claro que é  importante não utilizar certos alimentos e focar na qualidade dos mesmos. No entanto deveria haver uma preocupação também com o que comer, a quantidade e por que.

            Não estou defendendo que você deva comer o que quiser e o quanto quiser. Não vamos usar o exagero da indústria da beleza como desculpas para você não buscar mudanças em seu estilo de vida.

            Adotar um estilo de vida saudável, emagrecer, cuidar da saúde pode ser algo prazeroso sim. E claro, algo que nos motiva quando entendemos que viver mais e com qualidade vale muito a pena.

Felizmente conheço ótimas nutricionistas que pensam de outra forma e que ajudam as pessoas a terem uma alimentação de verdade e saudável.. Que ensinam as pessoas se alimentarem e buscarem comida de verdade.

 

mais
14 jul
Sem Comentários
NINGUÉM NUNCA CONTOU QUE NÃO PRECISA TROCAR A BATATA INGLESA PELA BATATA DOCE. Tudo o que você precisa saber.

A batata inglesa é um dos alimentos que também foram crucificados quando o assunto é emagrecimento e redução de gordura corporal. Ela foi retirada da dieta por acreditarem que atrapalha emagrecer. Enquanto a batata doce teve seu consumo acelerado como se fosse um novo milagre para quem pratica exercício físico.

Vou apresentar algumas características dos 2 tipos de batata em uma comparação de 100g dos  alimentos cozidos:

  1. Carboidratos: Inglesa (11,9g) , Doce (18,4g)
  2. Calorias : Inglesa (52 Kcal) , Doce (77kcal)
  3. Proteínas : Inglesa (1,2g) , Doce (0,6g)

 

A batata inglesa tem um pouco menos de fibras, porém apresenta menos carboidratos e calorias, além de maior quantidade de proteínas.

Agora, se você buscar informações sobre o índice glicêmico fica ainda mais curioso. Dependendo da forma como estes alimentos são preparados ocorrem alterações no índice glicêmico.

A Batata inglesa cozida sem casca tem índice glicêmico de 98 . E a batata doce descascada e cozida tem 94. Ambos muito altos. Quando a batata inglesa é cozida com casca este índice cai para 69. Já a batata doce Descascada e assada o valor vai para 82.

QUER OUTRA INFORMAÇÃO IMPORTANTE?  Se você ingerir estes 2 tubérculos acompanhados com outros vegetais e proteínas ocorre uma redução no índice glicêmico. Ou seja, não vai ser o consumo da batata inglesa que vai atrapalhar o emagrecimento.

Não estou defendendo o consumo dessa ou daquela batata. O gosto e o paladar são individuais de cada pessoa. SÓ QUERO ESCLARECER QUE NÃO VAI SER A BATATA DOCE OU O GLÚTEN-FREE QUE VÃO TE EMAGRER.

As causas do ganho de peso são outras: refrigerante, pizza, açúcar, sedentarismo. E claro que não é proibido consumir estes alimentos. Tem que saber como e quando.

A mudança sustentável no estilo de vida continua fazendo a diferença.

E lembre que plano alimentar e dieta é com sua Nutricionista.

mais
07 jul
Sem Comentários
Como ter sucesso no emagrecimento seguindo 6 dicas simples.

  • A musculação em alta intensidade é essencial no emagrecimento sustentável, por aumentar os gastos de gordura e calorias em períodos prolongados pós-treino.
  • Evite o consumo de alimentos industrializados, além de prejudicar sua saúde, alteram o funcionamento do organismo, dificultando a redução de gordura.
  • Priorize treinos em alta intensidade como o HIIT e circuitos intensos. Eles aumentam o gasto calórico após o treino. E têm uma ótima relação com a saciedade.
  • Cortar todo o carboidrato não é uma boa opção. Isso pode até causar compulsão alimentar. Portanto, a redução no consumo de carboidratos refinados e  processados,  (farináceos, açúcar,  sucos etc) é essencial.
  • A recuperação e o descanso são muito importantes. Treinos em excesso aumentam a liberação de substancias inflamatórias que dificultam o emagrecimento.
  • Esqueça: treino em jejum, glúten e lactose “free” , L-carnitina, substituir o pão integral pela tapioca, tomar água com limão, simpatia e fórmulas mágicas. Nada disso ajuda no emagrecimento sustentável.

Esteja bem com você mesmo(a). Inicie com pequenas mudanças, adquira novos hábitos . E lembre que a prática regular de exercícios físicos e hábitos alimentares saudáveis são fundamentais para uma vida longa, saudável e feliz.

 

mais
05 jun
Sem Comentários
Você conhece dois erros graves sobre Exercício Físico e Emagrecimento?

Na busca pelo melhor exercício para emagrecer 2 erros muito comuns são: – contar as calorias gastas durante o treino; realizar uma programação que tenha um alto consumo de gorduras.

Tudo que você precisa saber sobre a função do exercício físico e emagrecimento está relacionado com o pós-treino. Diversos estudos já demonstraram que os exercícios de alta intensidade promovem um maior gasto de energia na forma de gorduras após o treino. Independente de quantas calorias você gastou durante o exercício físico.

Os treinos de alta intensidade podem ser realizados na musculação e com o HIIT (treinamento intervalado de alta intensidade). Estes tipos de exercícios promovem adaptações em nosso organismo fazendo com ele gaste mais gorduras durante em repouso, contribuindo no processo de emagrecimento.

Fica a dica para quem quer emagrecer. Esqueça o gasto de calorias e se você vai gastar ou não muitas gorduras durante o treino. O importante é o que acontece no pó-treino. Isso depende diretamente do intensidade .

 

 

mais
14 maio
Sem Comentários
CADEIRA ADUTORA E ABDUTORA NÃO REDUZEM GORDURA LOCALIZADA.

É comum observarmos treinos em circuito na sala de musculação com a utilização da cadeira adutora e abdutora visando redução de gordura localizada na região do quadril e parte interna da coxa.

Exercícios localizados não reduzem gordura localizada e não ajudam no processo de emagrecimento.

Por outro lado os exercícios multiarticulares, aqueles que recrutam grandes grupos musculares (supino, agachamento, levantamento terra, puxadas, etc.) são excelentes dentro de um programa que tem como objetivo redução de gordura corporal. Claro que a forma que estes exercícios são utilizados e combinados com outros exercícios vão fazer toda a diferença.

Os mecanismos relacionados com a redução de gordura corporal ocorre de forma sistêmica, onde diversos fatores estão envolvidos.

 

mais
04 maio
Sem Comentários
O STIF PODE SER FEITO NO STEP?

O primeiro ponto a ser analisado é se você já executa o Stif corretamente no solo.

Diversas pessoas que ainda não dominam a técnica e  uma boa amplitude de movimento não têm necessidade de utilizar essa estratégia.

O uso do step tem como objetivo aumentar a amplitude do movimento. E se você ainda não tem uma boa amplitude no solo, ao usar o step tem riscos de sobrecarregar a lombar.

O Stif é um exercício complexo e muito técnico exigindo uma ótima consciência corporal do praticante. São muitos detalhes e orientações que o Professor deve passar tais como : – não deixar o ombro cair; manter a cintura escapular estabilizada, preservar as curvaturas fisiológicas da coluna. São muitas informações a serem assimiladas.

Nesse sentido a utilização de exercícios educativos visando desenvolver a técnica correta é essencial.

Antes de pensar em usar o Step, aumentar a carga, preocupe-se em executar corretamente este excelente exercício.

 

 

mais
02 maio
Sem Comentários
HIIT + Musculação: uma excelente estratégia para redução de gordura corporal.

A combinação destas 2 estratégias promove excelentes resultados na redução de gordura corporal e medidas.

É importante ressaltar que muitas variáveis devem ser analisadas para uma adequada prescrição: quantidade de exercícios na musculação; tipos de HIIT utilizado; número de vezes na semana que as atividades serão combinadas, etc.

DICAS IMPORTANTES:

– é necessário reduzir a quantidade de exercícios e focar na intensidade (treinar até a falha na musculação) e fazer um HIIT  de verdade;

– quando você realiza um treino de HIIT na bicicleta ou na esteira o processo de recuperação é diferente.

– Nenhum programa de exercícios vai fazer milagre sem alterações no seu plano alimentar.

Contrate um profissional capacitado para elaborar esta combinação de treinos para você.

Lembrando que o emagrecimento é dependente de diversos fatores: – dieta; – exercício físico; – adesão á dieta; – continuidade e progressão no exercício físico; mudança de hábitos.

Mais importante que emagrecer é a capacidade de sustentar os resultados adquiridos. Não tenha pressa. Inicie devagar, pois o progresso é mais importante que a perfeição. Procure compreender o que está te fazendo ganhar peso ou dificultando seu emagrecimento.

mais
30 abr
Sem Comentários